Patrick Fabiano é o nome que se fala (pelo menos no Kuwait).

O avançado brasileiro marcou 8 golos na vitória 9-1 do Al Salmiya, do Kuwait sobre o Al Tadamon neste sábado.

O avançado de 33 anos marcou três golos no primeiro tempo (os três primeiros da equipa) e cinco no segundo (os cinco últimos).

Com estes 8 golos é claro que Fabiano rebentou com a média e leva 14 golos em 14 jogos.

O que lhe passou pela cabeça a cada golo?

«A cada golo eu ficava mais tranquilo. Só pensando em poder aproveitar cada oportunidade que os meus companheiros estavam proporcionando. Foi um jogo que vai ficar marcado para sempre na minha memória»

 

É muto golo. Mas não é recorde. Nem novidade – no mundo e mesmo no Brasil.

 

Pelé marcou 8 também

No Brasil houve alguém que marcou 8 golos.

Temos de estar a falar de Pelé claro.

Segundo IFFHS (Federação Internacional de História e Estatísticas do Futebol), o Rei marcou 8 golos pelo Santos na goleada 11-0 ao Botafogo no dia 21 de novembro de 1964, a contar para o Campeonato Paulista.

Edson Arantes do Nascimento fez 5 golos na primeira parte e os outros três na etapa complementar, estes com um intervalo de somente quatro minutos.

 

Peyroteo fez 9

Aliás, Fabiano igualou Peyroteo nos 8 golos do avançado do Sporting marcados na vitória ao Boavista 12-1, a 17 de outubro de 1948.

Mas ficou a 1 do recorde do português, estabelecido em 1942 nos 14-0 ao Leça (com 6-0 ao intervalo, 4 de Peyroteo).

  • Manuel Soeiro 2 e 30
  • Peyroteo 3, 10, 23, 38, 47, 50, 60, 80 e 88
  • Daniel Silva 71
  • Carlos Canário 72
  • Álvaro Cardoso 85

 

Ninguém bate os 14 do argelino Lalmas

Mas nem Fabiano nem Peyroteo se chegam perto de Hacène Lalmas.

O argelino marcou 14 golos pelo Ruisseau na Liga argelina a 22 de outubro de 1962 – nos 18-0 ao Birtouta.

 

Mais golos

  • Hacène Lalmas 14 golos 1962 (18-0 pelo Ruisseau ao Birtouta na Argélia)
  • Ali Ashfaq 12 golos 2009 (20-0 pelo VB Sports ao Kalhaidhoo nas Maldivas)
  • Jenő Károly 11 golos 1905 (15-1 pelo MTK Budapeste ao MAFC Budapeste na Hungria)
  • Pedro Carrion 11 golos 2016 (16-1 pelo Europa ao Britannia XI em Gibraltar)
  • Ernest Wilimowski 10 golos 1939 (12-1 pelo Ruch Chorzów ao Union Touring Łódź na Polónia)
  • Anatoly Novozhilov 10 golos 1993 (24-0 pelo Tevalte Talinn ao Kalev Sillamäe na Estónia)
  • Devon Hodges 10 golos 2005 (15-0 pelo Rivoli United ao Invaders United na Jamaica)
  • Fernando Peyroteo 9 golos 1942 (14-0 pelo Sporting ao Leça em Portugal)