Novak Djokovic sofreu, deu a volta a dois sets e no fim ainda contou com a desistência de Lorenzo Musetti.

Foi de loucos.

O italiano de 19 anos entrou com tudo e parecia que tirava o sérvio de 34 anos de Roland Garros.

Musetti apresentou um repertório impressionante, com um nível altíssimo e venceu dois tie-breaks 6-7(7) e 6-7(2) para colocar o número 1 do mundo encostado à cordas.

 

 

Mas Djokovic respondeu.

Entrou para o terceiro set transfigurado. Parou de errar, elevou o seu jogo e pressionou o italiano, que disputava pela primeira vez um grand slam.

O sérvio foi uma máquina e venceu 6-1, 6-0.

No quinto e último set chegou aos 4-0 e aí Musetti desistiu. Abandonou com dores.

Djokovic vai defrontar outro italiano – o número 9 do mundo, Matteo Berrettini, que avançou devido à desistência de Roger Federer.