Se acordou agora e não sabe o que se passou nos Europeus de atletismo é porque o fim-de-semana foi mesmo duro.

Foi a melhor presença portuguesa de sempre nos Europeus indoor e ficou confirmada após os dois títulos europeus no domingo.

Auriol Dongmo já o tinha feito antes no lançamento do peso. Com um arremesso de 19,34 metros.

Não ficamos por aqui: Portugal terminou os Europeus de pista coberta como o segundo país com mais títulos. E os três títulos conquistados só foram superados pela Holanda, no final do campeonato, graças à vitória nas duas estafetas. Em provas individuais, ninguém superou Portugal.

Obrigado Pedro Pichardo (17,30m) e Patrícia Mamona (14,53m). Os dois no triplo salto.

 

https://twitter.com/selecaoportugal/status/1368635523603062787

 

Premier City

O City perdeu o dérbi que não podia perder (porque um dérbi nunca se perde).

Ou seja, perder 0-2 para o inimigo é sempre mau – e quebrar uma série de 21 vitórias SE-GUI-DAS em topdas as provas e logo para o United é chato.

Mas foi só isso – chato.

Guardiola ficou com 11 pontos de avanço sobre o Soljkaer. Portanto…

O Liverpool, campeão e vindo de uma época de ouro, é que não se encontra. Nova derrota, em casa, com o Fulham.

Pela primeira vez na história os Reds sofrem 6 derrotas consecutivas em Anfield para o campeonato

  • 0-1 Burnley
  • 0-1 Brighton
  • 1-4 Man City
  • 0-2 Everton
  • 0-1 Chelsea
  • 0-1 Fulham

Com isto, Klopp é 9º (NONO) classificado.

 

La Liga frouxa

Em Espanha o Atlético arrisca cada vez mais.

Depois dos 12 dias horríveis – com 1 vitória em 4 jogos e a perda de 7 pontos – o empate (1-1) este domingo no dérbi com o Real deixou o Barcelona a acreditar.

 

 

Isto quer dizer o quê?

O Barça ganhou ao Osasuna 0-2 e está a 3 pontos do Atlético. OK que estes 3 pontos podem passar a 6 se o Atlético vencer o jogo em atraso esta quarta-feira.

É com o Athletic Bilbau e pode bem ser o jogo que decidirá o resto da época.

Até lá, fique com esta maravilha de Moriba.

 

 

E veja quem está de volta para mandar na casa (com o Messi claro).

 

 

Palmeiras fez o Dobradão

Ah pois é.

Abel não pára de Abelizar (o novo verbo que os adeptos usam, rendidos ao treinador português).

Depois do título na Libertadores, seguiu-se agora outro na Taça do Brasil. É o dobradão.

 

 

No primeiro jogo da final o Palmeiras venceu em casa do Grêmio 0-1 – e agora fez a festa emc asa com uma vitória por 2-0.

É a 4ª vez na história que o Verdão vence a Taça.

E tem mais um título para conquistar daqui a 32 dias: a Supercopa com o Flamengo, vencedor do campeonato contra o vencedor da Taça no dia 11 de abril.

Promete.

 

 

 

Rangers campeão… invicto

Se o Laporta voltou ao cadeirão do Barça, o Rangers voltou ao trono da Escócia – 10 anos depois.

E o que passaram os azuis de Glasgow.

  • 2012: relegados para a 4ª divisão
  • 2012/13: Campeão da 4ª divisão
  • 2013/14: Campeão da 3ª divisão
  • 2015/16: Campeão da 2ª divisão
  • 2020/21: Campeão da 1ª divisão

Foram buscar Gerrard para a corrida final.

Para isso nada melhor do que uma caminhada sem derrotas até ao título.

  • Jogos: 32
  • Vitórias: 28
  • Empates: 4
  • Derrotas: 0
  • Golos: 77-9

É obra.

 

LeBron não foi MVP

Na NBA foi fim-de-semana do Jogo de Estrelas.

Bom, venceu o Team LeBron 170-150.  Mas foi Giannis a levar para casa o troféu de MVP. Que agora tem o nome de Kobe Bryant. Bonito.

 

 

 

A foto do fim-de-semana

Haaland marcou dois, mas Lewandovski marcou 3. E o Bayern ganhou ao Dortmund 4-2.

 

 

Mas o que ficou para a história (além de terem lesionado o norueguês e só depois terem conseguido dar a volta ao Borussia) foi a incrível foto de Haaland a levitar.

A fazer lembrar os melhores voos de Ronaldo.

Tem tudo para ser o sucessor de CR. Até nas alturas.

 

A levitação de Haaland | foto IMAGO