Os nacionalistas que nos desculpem: mas ainda bem que os compromissos internacionais das selecções já passaram.

É sempre uma angústia.

Por muito que se gosta de torcer pelo nosso país, não há nada como fazê-lo pelo nosso clube.

 

Regresso a casa

É claro que já houve Taça de Portugal e Liga dos Campeões, mas o regresso da Liga Portugal é como um regresso a casa, o jogo ao fim-de-semana, se possível ainda à tarde, com copos e tremoços.

A bola não rola para o principal campeonato português de futebol desde o terceiro dia de outubro, ora isso é muito tempo, as saudades apertam.

São 19 dias de interregno, percebem?

O regresso dá-se já esta sexta-feira com um Vitória x Marítimo, na cidade-berço, num momento em que a equipa de Pepa vem de duas vitórias forasteiras:

  • a última foi diante do Oliveira do Hospital para a Taça de Portugal, a anterior foi no terreno do Famalicão

Tirando a derrota com o Benfica na Jornada 7, o Vitória não perde desde a primeira jornada, com o Portimonense, embora tenha averbado vários empates.

 

Marítimo aflito

O que é certo é que esta parece uma curva ascendente no momento dos vimaranenses.

O Marítimo, por sua vez, está com a corda ao pescoço.

Em dez jogos oficiais nesta temporada, a equipa de Julio Velázquez soma apenas uma vitória.

 

Ronaldo salva Solskjær ao cair do pano (Bayern e Chelsea goleiam)

 

E no passado domingo foi corrido da Taça de Portugal pelo Varzim, no desempate por grandes penalidades. Conclusão: qualquer uma das equipas precisa urgentemente de uma vitória.

O Vitória parte como favorito evidente.

 

Armadilhas no caminho

Olhando para o resto da jornada, parece ser uma daquelas com armadilhas pelo caminho.

Tirando o Sporting — que recebe o Moreirense e que já tem Pedro Gonçalves disponível, além de um balão de boas energias conferido pela vitória expressiva no terreno do Besiktas, ou seja, não deve ter grandes dificuldades —, todos os outros grandes podem ter de suar.

 

A sapatada de Griezmann e o panenka perfeito de Messi

 

Tondela: 3 triufos seguidos

O FC Porto desloca-se a Tondela, equipa com três vitórias consecutivas e no melhor momento da temporada.

O Benfica vai ao sempre complicado terreno do Vizela, sobretudo numa fase bastante complicada para os encarnados, com o fantasma da vitória sofrida na Trofa para a Taça de Portugal, a derrota com o Portimonense…

Onde é que já vai o Benfica que esmagou o Barcelona?

 

Oktoberfest: a festa do Bayern foi na Luz

 

Braga em Barcelos

O Braga vai a Barcelos, num dérbi do Minho sempre escaldante e onde vai encontrar um Gil Vicente que tem sido das equipas a praticar futebol mais positivo no campeonato e que recentemente quase empatou o Porto e já depois disso foi empatar à Amoreira.

 

Mourinho nunca sofreu uma derrota assim

 

Também o Estoril tem uma deslocação complicada ao Algarve, para defrontar o Portimonense, num duelo que coloca em confronto quarto e quinto classificado da Liga Portugal.

Quer jornada mais açucarada?