Com espinhas. Foi assim o clássico da Luz entre Benfica e Porto que terminou empatado 1-1.

Pizzi esteve por duas vezes com a bola na marca de cal do penálti e chegou mesmo a festejar um golo.

Mas o VAR anularia os lances:

  • no primeiro penálti houve fora-de-jogo de Rafa (19 cm) antes de este ser derrubado por Manafá
  • no segundo penálti porque considerou-se uma falta antes de Diogo Gonçalves (pisão a Zaidu)
  • o golo nos descontos porque havia fora-de-jogo de Darwin (30 cm) no início da jogada

De resto, tirando essas espinhas, houve um primeiro golo de Everton (o primeiro com a camisola do Benfica na Luz).

«Faltam três jornadas, tivemos um penálti. Hoje, o árbitro marcou dois, mas foram revertidos. As decisões de dúvida foram todas contra o Benfica. Depois, o Pepe tem de ser expulso! O árbitro não quis expulsar o Pepe. Um jogador a menos no clássico tem muita influência» Jorge Jesus

 

 

E outro de Uribe, já na segunda parte, depois de uma bela assistência de Sérgio Oliveira.

O empate deixou quse tudo pronto para ser fechado na próxima jornada: a 32ª.

«Foi um jogo muito competitivo, em que uma equipa foi mais forte do que a outra durante 80 minutos. Na parte final, mostrámos uma vontade muito grande de querer chegar mais acima na tabela. Arriscámos o que tínhamos de arriscar, o jogo acabou por partir um pouco e aí podia ter caído para qualquer dos lados» Vítor Bruno, adjunto de Conceição

 

 

Campeão e Champions resolvidos?

O Porto ficou a 8 pontos do líder Sporting e manteve os 4 de avanço para o Benfica.

O Sporting pode até sagrar-se campeão já na segunda-feira, caso o Porto não consiga derrotar o Farense.

E mesmo que a equipa de Conceição vença a formação de Amorim tem um Cjhampionship point: uma vitória sobre o Boavista permite festejar o título.

As contas para a entrada na Liga dos Campeões também ficaram mais fáceis.

O Porto tem de derrotar o Farense e esperar que o Benfica perca na deslocação ao terreno do Nacional na terça-feira.

 

 

E o Braga?

A única coisa a favor do Benfica é que em caso de igualdade com o Porto teria vantagem devido a uma melhor diferença de golos (três de vantagem para os encarnados), já que o confronto direto com os dragões acabou empatado.

O Braga terá de vencer os 3 encontros e esperar 3 derrotas do Benfica.