Meus senhores e minhas senhoras a Champions está de volta para nos entreter nos serões de terça e quarta feiras e nós não podíamos estar mais contentes.

Começou o mata-mata, a emoção, as reviravoltas (ou então não), mas uma coisa é certa, agora é a doer e todos sonham e ninguém quer ficar para trás.

Hoje 20h00
8 avos de final Liga dos Campeões
Atlético Madrid vs Liverpool
3,50 – 3,20 – 2,10

Ao Atlético de Madrid calhou a fava chamada Liverpool, os ingleses campeões da competição na época passada e com um registo exímio na Premier League já só pensam em ultrapassar mais um objectivo.

O Atlético acabou a fase de grupos em 2º lugar, com 3 vitórias, 1 empate e 2 derrotas, contabilizando 10 pontos no final, o contemplado com o 1º lugar foi a Juventus de Cristiano Ronaldo.

Grupo D
1º Juventus 16
2º Atlético Madrid 10
3º Leverkusen 6
4º Lokomotiv 3

Agora chegam os oitavos de final da prova dos milhões, em que uma falha pode custar o acesso aos quartos da prova e em que a motivação tem de estar para lá dos 200% para continuarem em frente.

Os madrilenos já estiveram presentes em 3 finais da prova, mas não conseguiram conquistar nenhuma. É a prova que sonham ganhar. Será desta?

• 1973/74 – Bayern vs Atlético Madrid 5-1 (disputado a 2 mãos)
• 2013/14 – Real Madrid vs Atlético Madrid 4-1
• 2015/16 – Real Madrid vs Atlético Madrid 1-1 (5-3 Grandes Penalidades)

Quem não vai fazer parte das escolhas do treinador é o português João Félix que está a recuperar de uma faringoamigdalite (digam o nome depressa e sem se enganarem :P) e tem de permanecer de repouso.

A boa notícia é que o espanhol Diego Costa está de regresso e pode ser uma opção para o ataque da equipa madrilena.

Simeone não poupou elogios ao adversário, é uma equipa que joga de forma intensa, directa e da qual tem uma grande admiração, por outro lado sabe que também tem armas para conseguir um bom resultado e conta com a ajuda dos adeptos para conseguir. O balneário está focado e desejoso por enfrentar os campeões europeus.

Para o argentino não há dados adquiridos e tudo pode acontecer.

«Es un partido en dos tiempos y no tengo ninguna duda de que a doble partido hay un 50% de posibilidades. No hay diferencia, es un partido y en un partido todo es posible» Simeone

 

 

A primeira mão dos oitavos é jogada em casa, com o apoio dos seus adeptos. Os Colchoneros não perdem no Wanda Metropolitano desde 1 de Dezembro frente ao Barcelona (0-1), depois disso somam 4 vitórias e 1 empate.

O Atlético chega a esta partida depois de empatar 2-2 na casa do Valência, na 24º jornada da La Liga. No campeonato ocupam a 4º posição com 40 pontos, com os mesmos pontos que o Sevilha que ocupa o 5º lugar.

La Liga
1º Real Madrid 53
2º Barcelona 52
3º Getafe 42
4º Atlético Madrid 40
5º Sevilha 40
6º Villarreal 38

 

 

Do outro lado temos Klopp e o invencível Liverpool, campeões da Champions da época passada, líderes inequívocos da Premier League e com o sonho de revalidarem o título da Liga dos Campeões.

 

 

A pergunta que se impõe:

Será que são capazes de tudo?

Bem, vamos começar do início

O percurso dos campeões na fase de grupos, começou com o Nápoles que foi o calcanhar de Aquiles dos ingleses, perderam em Itália por 2-0 e em Anfield não foram além de um empate a 1 bola, fora isso ganharam os restantes 4 jogos, o que lhes garantiu o primeiro lugar do Grupo E.

Grupo E
1º Liverpool 13
2º Nápoles 12
3º Salzburgo 7
4º Genk 1

Na Liga Inglesa ganharam este fim-de-semana em casa do Norwich por 1-0 com um golo de Sadio Mane aos 78 minutos e estão confortavelmente no primeiro lugar com 76 pontos, mais 25 que o segundo lugar que pertence ao Manchester City.

É uma questão de tempo até concretizarem o sonho que lhes foge há 30 anos, o de ganharem a Premier League.

Liga Inglesa
1º Liverpool 76 Liverpool
2º Man City 51
3º Leicester 50
4º Chelsea 40
5º Tottenham 40

 

 

Jürgen Klopp considera que jogar frente ao Atlético é um grande desafio, que são uma equipa muito bem organizada e que farão de tudo para conseguirem continuar na prova dos milhões.

Para o técnico dos ingleses, os oitavos de final da Champions não têm nada a ver com as outras competições em que estão inseridos e a chave do sucesso é básica, quem lutar mais e quem tiver mais ambição em continuar na prova é que carimba o passaporte para o próximo nível, sem favoritismos, 50% de possibilidades para cada.

Ele diz que ao Liver ambição não falta. Será que chega?

«We are here and I think nobody doubts that we are really ambitious, so we will give it a proper try»

 

 

Os treinadores apostam no 50-50, e por aí, como estamos de palpites?

O Atlético é capaz de travar os campeões europeus e seguir em frente, ou ninguém pára o Liverpool?