Foi uma verão conturbado em Alvalade e os ventos quentes de Portugal empurraram de novo Fábio Coentrão para Espanha. De volta ao Real Madrid, o defesa parece não fazer parte dos planos do novo treinador Lopetegui.

Ausente nos dois primeiros jogos oficiais do Real desta temporada, nem convocado foi para o confronto com o Atlético da Supertaça Europeia (derrota 4-2) nem na primeira jornada da Liga espanhola com o Getafe (vitória 2-0).

Esta quarta-feira foi a vez da imprensa em Espanha questionar o paradeiro do defesa esquerdo.

“Se busca a Fabio Coentrao”, escreve o AS. Enquanto o outro jornal de Madrid, a Marca, dá o português como peça central num artigo dedicado aos 41 jogadores que estão de saída do campeonoato espanhol – quando faltam 10 dias para fechar o mercado de transferências.

Procura-se. “Se busca. Responde al nombre de Fabio Alexandre da Silva Coentrao. 30 años. 1,78 de altura y unos 70 kilos de peso.”

Com contrato até 2019 com o Real, o jogador goza, segundo os jornais espanhóis, umas espécie de licença milionária em Madrid. 25 milhões de euros divididos em sete épocas, também graças à ampliação de contrato que terá conseguido José Mourinho.

A isto tudo respondeu Coentrão. Também com humor… e ironia.