28 abril
GP Azerbeijão
Lewis Hamilton 2.75
Sebastian Vettel 3.00
Valtteri Bottas 3.75
Charles Leclerc 4.25
Max Verstappen 11.00

 

Terceira prova do Mundial e o primeiro lugar já está ocupado por Lewis Hamilton.

Austrália
V Bottas
L Hamilton
M Verstappen

Barém
L Hamilton
V Bottas
C Leclerc

China
L Hamilton
V Bottas
S Vettel

O piloto britânico é já o novo líder do Campeonato do Mundo, somando ainda a sua segunda vitória consecutiva esta temporada, a 75.ª da carreira e ainda o seu sexto GP da China.

 

https://twitter.com/F1/status/1117335195852656640

 

Depois da vitória no Bahrein, Hamilton conseguiu levar de vencido o seu colega de equipa Valtteri Bottas e ainda Sebastian Vettel, da Ferrari, que muitos consideram ser o maior desafiante à vitória de Hamilton este ano.

1.º L Hamilton 68
2.º V Bottas 62
3.º M Verstappen 39
4.º S Vettel 37
5.º C Leclerc 36 

«As a team we arrive and everyone does their best job, you have to try and operate to 100% and we are close to that (..) With what we have we are operating at its full potential. But there will be more performance improvements to come, we will make steps forward». Hamilton

A 1000.ª corrida na história da Fórmula 1 começou com Bottas a sair na pole position. Liderança de curta duração, já que logo na primeira curva Hamilton ultrapassou o colega de equipa e daí nunca mais largou a primeira posição.

1.º L Hamilton 1:32:06.350
2.º V Bottas +6.552
3.º S Vettel +13.744
4.º M Verstappen +27.627
5.º C Leclerc +31.276

 

 

Se este ano na teoria era Vettel que iria fazer frente a Hamilton, pelo menos até agora isso não tem acontecido.

São já 31 pontos em atraso e que muito possivelmente não foram ainda mais porque a Ferrari tomou a decisão de deixar Charles LeClerc ser ultrapassado pelo companheiro de equipa.

Decisão essa que de resto tem gerado algumas críticas já que LeClerc é um jovem promissor e parece ter potencial para fazer melhor, não fosse o caso de ser o segundo na hierarquia atrás de Vettel.

 

 

https://twitter.com/ElSchpaetzle/status/1117332277036556288

 

Após um somatório de erros, Vettel não se conseguiu aproximar da dupla da Mercedes e deu a ideia de que LeClerc poderia ter feito melhor que o colega de equipa mas nunca se sabe. Mais um infortúnio para o piloto monegasco que no passado GP do Barém não conseguiu ganhar devido a problemas mecânicos.

1.º Mercedes 130
2.º Ferrari 73
3.º RedBull 52
4.º Renault 12
5.º Alfa Romeo 12

A próxima etapa é já dia 28, no Azerbeijão. Resta saber se Hamilton e a Mercedes continuarão a fazer a festa ou se a Ferrari conseguirá inverter esta série menos positiva e roubar uns pontinhos à equipa rival.