Ingleses e escoceses, nunca juntá-los num bar. Muito menos num campo de futebol.

Mas a história vai dar-nos o 125º confronto entre os dois.

  • 48 vitórias de Inglaterra
  • 41 triunfos da Escócia
  • 25 empates

O reencontro acontece 25 anos depois do célebre duelo no Euro 1996.

Nesse 15 de junho a Inglaterra (também em Wembley como agora) venceu 2-0 com dois golos de Alan Shearer e Paul Gascoigne.

Mais do que o resultado, para a história ficou um dos melhores golos nos Europeus e na carreira de Gazza.

A celebração ficou tão icónia quanto o golo | foto IMAGO

 

«Fiz o passe para o Gazza, ele dá aquele toque e parecia que estava em slow motion. Fez golo e depois a celebração, louca e divertida» Darren Anderton ao Expresso

Gascoigne deitou-se na relva, abriu a boca e esperou que McManaman, Shearer e Redknapp despejassem água na boca como se fosse uma garrafa de uísque – era uma referência àquela noite de Hong Kong, a famosa cadeira do dentista.

 

 

“Foi só uma noite normal, estava calma até, bebemos umas cervejas, jantámos, depois tivemos autorização para ir sair à noite, foram alguns jogadores e alguns membros do staff. Depois, à meia-noite, ia ser o aniversário do Gazza e acho que foi quando começou [risos]. Foram muitas bebidas tontas e depois alguém viu uma cadeira parva no meio da pista de dança e foi assim”, conta Anderton ao Expresso.

 

Escócia eliminada na fase de grupos (Inglaterra nas meias)

Na altura a Escócia seria eliminada no Grupo A e a Inglaterra passaria.

Os ingleses ultrapassariam a Espanha nos penáltis (4-2) nos quartos-de-final mas ficariam pelo caminho nas meias-finais com a Alemanha (também nos penáltis 6-5).

Quem falhou esse penálti?

Gareth Southgate, o atual selecionador inglês.

 

E agora?

Hoje a história não é muito diferente.

Inglaterra e Escócia lutam no grupo para passar aos oitavos-de-final.

Os ingleses ganharam o primeiro jogo à Croácia (1-0) – os escoceses, graças a um dos melhores golos deste Euro, perderam com a Rep. Checa (2-0).

 

Schick, um chapéu à Poborský de 45 metros

 

Southgate vs Clarke

Outra vez Wembley, outra vez dois antigos jogadores do futebol inglês.

Gareth Southgate, antigo defesa do Crystal Palace, Aston Villa e Middlesbrough, fez parte da seleção inglesa que derrotou a Escócia nesse Euro 1996.

Steve Clarke esteve 12 anos no Chelsea, com 330 jogos entre 1987 e 1998 – e é um dos vencedores da Taça das Taças de 1998.

«Nada nos dá mais prazer do que vencer a Inglaterra, mas infelizmente isso não tem acontecido muito nos últimos tempos» Steve Clarke

 

Itália, a primeira apurada (agradeçam ao Sassuolo)