Melhor Filme: “Assalto a Alcochete”

Melhor Guião Adaptado: “Famalicão”, adaptado daquela vez que o Leicester foi campeão

Melhor Guião Original: “A Verdade Desportiva” de Rui Santos

Melhor Realizador: Luís Filipe Vieira em “Operação Lex”

Melhor Direcção de Fotografia: O tipo machista que faz as galerias de mulheres do jornal Record

Melhor actor: Frederico Varandas em “Teresa, Teresa, Teresa, Teresa, Teresa”

Melhores Efeitos Visuais: VAR

Melhor Actriz: A senhora que deu o primeiro filho ao Ronaldo

Melhor Actor Secundário: Sérgio Conceição em “Estou-me a Cagar”

Melhor Actriz Secundária: A senhora que deu o segundo, terceiro e quarto filho ao Ronaldo

Melhor Guarda Roupa: Qualquer jogador do escalão sénior do futebol português

Melhor Animação: Pedro Guerra em “Realidade Paralela”

Melhor Curta Metragem: “Sporting Em Primeiro Lugar Do Campeonato”

Melhor Canção: “Sei que o melhori de mim está para chigare”, Jorge Jesus

Melhor Documentário: “16 Finais, 17 Vitórias”, Jorge Jesus

Melhor Banda Sonora: “La, la, la, la, la, oh, oh oh, La la la!”

Melhor Maquilhagem e Penteado: Carrapito de Ronaldo

Melhor Filme Internacional: “Mourinho Speaking English”

Melhor Edição: Não atribuído por falta de qualidade dos últimos 20 anos do futebol português

Melhor Edição e Mixagem de Som: Sport TV (até porque mais ninguém pode usar os seus vídeos logo monopolizam completamente este prémio, seus canalhas!)