Liga dos Campeões. Ah pois é, não estava à espera que começasse mais cedo do que as suas férias, certo?

Pois bem, mas esta terça-feira temos a continuação da primeira eliminatória.

E é destes jogos que vai sair uma das equipas surpresa da competição milionária.

Temos um escaldante Riga FC vs Malmo FF ou um Valur vs Dínamo Zagreb. E atenção, atenção, os portugueses já andam a fazer das suas: a semana passada: o Légia de Varsóvia seguiu em frente com André Martins (ex-Sporting) a titular. Qualquer dia está no Benfica.

 

O meu onze do Euro 2020

 

João Mário de vermelho

Ver o que acontece a João Mário. Falando nas águias, temos de conversar sobre a sua nova contratação.

Até agora, é a transferência desta época. Rescindiu com o Inter de Milão, fartou-se dos miúdos de Alvalade e vai reencontrar o treinador que mais soube fazê-lo render – Jorge Jesus.

 

 

É verdade que Benfica e Sporting só se encontram em dezembro, mas as águias continuam a preparar a pré-época para fazer esquecer o passado recente.

E queremos todos ver o que pode render o médio de 28 anos.

 

Devaneio de Mourinho

 

Treinadores. Mais uma voltinha no banco mundial do futebol

 

Observar o devaneio mental de José Mourinho.

É que não se cala.

Continua com um ego do tamanho de um estádio de futebol.

O novo treinador do AS Roma até parece estar a preparar estes cartuchos caso a coisa corra mal em Itália.

A verdade é que o clube italiano vai estagiar em Almancil, no Algarve, e pode encontrar brevemente o FC Porto de Sérgio Conceição.

Era o jogo certo para perceber, finalmente, qual é o técnico português mais ressabiado do mundo.

 

Jornais e contratações (falhadas)

Ver a imprensa portuguesa a falhar redondamente contratações.

Acorda, toma o pequeno almoço, veste os calções, arruma a toalha e o creme protector, chega à praia e liga o telemóvel.

Vai aos sites dos desportivos portugueses e pronto, tem a manhã/ tarde feita.

Consegue acompanhar ao minuto todos os rumores, bocas, chatices, mentirinhas que chegam nesta altura em que os clubes decidem reformular os seus planteis.

Até pode inventar um jogo de bebida (moderada, ou uma água também cai bem) para saber que jornal falha mais nas contratações.

 

Tóquio 2040?

Jogos Olímpicos. Começam já no próximo dia 23 de julho, sem público no estádio, mas com muita emoção á mistura.

Quanto à armada portuguesa, vai querer fazer um bocadinho de história.

 

Por Quintana, Portugal está em Tóquio

 

Telma Monteiro só pensa em medalhas, João Sousa só pensa em não ser logo eliminado e Nélson Évora vai querer que os colegas entrem na sua equipa de único campeão olímpico português em atividade. Teremos 26 mulheres na comitiva (a maior de sempre).

Não esquecer também o recente campeão europeu Pedro Pablo Pichardo ou de outra campeã, Patrícia Mamona.

Ah, e claro, a seleção de andebol. O selecionador prometeu a luta pelo pódio…

 

Sprint na F1

Fórmula 1. No próximo fim de semana esta competição regressa a Silverstone e vai ter um novo formato de corrida.

O Grande Prémio do Reino Unido vai ter uma corrida de sprint.

 

Vem aí a F1. O que vai acontecer em 2021?

 

E não, não são os pilotos que vão sair do carro e desatar a correr, calma.

É um formato praticamente semelhante ao que já existe na Fórmula 2.

O bom é que a competição começa já esta sexta-feira com a qualificação. E ainda se queixa que estamos quase na silly season e não há nada para ver? Valha-me Deus.

 

NES e Lage

Premier League. Os campeonatos estão quase a começar, mas, como sabe, é o inglês que interessa mais.

Nem que seja para acompanhar a estreia de Nuno Espírito Santo à frente do Tottenham e de Bruno Lage, que foi sucedê-lo nos Wolves.

 

 

Tudo começa a 14 de agosto em terras de Sua Majestade.

Man City revalida o título, Klopp e companhia vão emocionar-nos outra vez ou os red devils decidem, definitivamente, meter a carne de talento toda no assador e vencer o caneco?

Até ficamos a salivar.

 

Só dá Djokovic

Ténis, ténis, ténis.

Hoje em dia, não há maior rei do ténis do que Novak Djokovic.

Ganhou o seu vigésimo título de Grand Slam em Wimbledon e, aos 34 anos, está imparável.

 

Slam it. E tudo Djokovic vai levar (Slam, Grand Slam, Golden Slam)

 

Mas o desporto da bola amarela não tem só jogos nas grandes competições.

É nos ATP’s mais pequenos que vão também surgindo algumas surpresas e, nos próximos dias, há muito para acompanhar: ATP Bastad, ATP Hamburgo ou WTA Praga.

E o nosso português João Sousa (esta terça-feira às 17h30) vai andar por lá até rumar a Tóquio, por isso, vamos lá dar um apoio.

 

Rush for Rash

Jogadores com H grande.

Marcus Rashford, além de ser um grande talento, é um grande homem.

Falhou um dos penáltis que ditou a derrota da Inglaterra na final do Euro’20 e, depois disso, viu as suas redes sociais invadidas por comentários racistas.

 

Itália campeã, Euroexit da Inglaterra: Football it’s coming Rome

 

Já habituado, resolveu dar uma resposta: um texto imperdível no seu Instagram sobre aquilo que importa realmente.

Vale a pena ler.

«I’m Marcus Rashford, 23 anos de idade, homem negro de Withington e Wythenshawe, Manchester. Se não tiver mais nada, tenho isto»

Mais nada.

 

 

Pôr para trás

Rever todos os jogos do Euro.

Foi demasiado bom.

Muitos auto-golos, um merecido campeão italiano, muita emoção (Eriksen não nos pregues mais nenhum susto) e com seleções surpresas a prometerem mais para o futuro, como a Ucrânia ou a República Checa.