Tinha tudo para correr bem ao Dortmund e acabar o fim de semana no topo da Bundeslioga. Só que o Bayer não quis – e fez bem porque deu-nos um dos melhores jogos do ano: 7 golos e um triunfo 4-3.

Cuidado Porto (sim, os portistas são a seguir).

Quinta-feira 20 fevereiro
16 avos Liga Europa
Bayer vs Porto
1,80 – 3,70 – 3,75

Na BayArena a coisa aperta, que o diga a equipa do Borussia. Aos 80 parecia ter a vitória no papo e aos 82 não:

80′ 2-3
82′ 4-3

É obra.

Houve várias mudanças de líder durante o jogo:

1-0 Volland 20′
1-1 Hummels 22′
1-2 Emre Can 33′
2-2 Volland 43′
2-3 Raphael Guerreiro 64′
3-3 Bailey 81′
4-3 Bender 82′

E Haaland? Zeróide. A estrela norueguesa que trazia um registo de 8 golos nas quatro primeiras partidas pelo Dortmund (e ajudado aos 15 golos da equipa nos últimos 3 jogos) ficou em branco.

 

Haaland, melodia do golo

 

Isto quis dizer que a equipa de Lucien Favre deu um trambolhão, está no terceiro, apanhado pelo inimigo Mönchengladbach, deixou fugir o Leipzig e o Bayern. E tem o Bayer mesmo à espreita.

1.º Bayern 43
2.º Leipzig 42
3.º Dortmund 39
4.º Mönchengladbach 39
5.º Bayer 37
6.º Schalke 35

A sorte do Porto é que o registo na BayArena desta época nas competições europeias não tem sido tão bom.

O Bayer saiu da Champions depois de ter terminado em terceiro no Grupo D:

1.º Juventus 16
2.º Atlético Madrid 10
3.º Bayer 6
4.º Lokomotiv 3

Nos 3 jogos realizados em casa, o Bayer venceu apenas 1, contra o Atlético (2-1). Perdeu com a Juventus (0-2) e com o Lokomotiv (0-1) – aliás, estes foram os únicos pontos conquistados pelos russos na prova.

O Bayer, além dos 3 pontos ganhos frente ao Atlético em casa, venceu os outros 3 pontos na deslocação a Moscovo (0-2), vingando-se da derrota na primeira volta.