O futebol e o misticismo sempre andaram de mãos dadas no Brasil.

 

Pelé nasceu numa terra que se chama Três Corações e parecia adivinhar a força com que Edson Arantes do Nascimento iria varrer o futebol mundial.

Até Garrincha, nasceu em Pau Grande e, nas palavras do biógrafo Ruy Castro, era “uma máquina de fazer sexo” confirmando-se 14 filhos biológicos (11 filhas e 3 filhos).

 

Reviravolta, Rodinei e título?

É aqui que chegamos à última jornada do Brasileirão – uma autêntica novela mística.

O Flamengo foi campeão com Jorge Jesus, mas Vieira apanhou um avião particular e foi buscá-lo de novo para o Benfica.

 

 

Órfãos, os diretores do clube carioca puseram a fé nas mãos do antigo guarda-redes do São Paulo – Rogério Ceni.

São Paulo esse que será o adversário do Flamengo na última jornada do campeonato.

Se o Fla vencer é bicampeao – a oitava vez que tal sucede na sua história. Se não vencer e o Inter, líder nas últimas jornadas da prova, ganhar o seu jogo (em casa com o Corinthians) sagra-se campeão.

 

Fla-Inter

Na penúltima jornada houve um Fla-Inter no Marcanã que iria decidir quem ficaria em primeiro.

Marcou primeiro a equipa de Porto Alegre, mas a do Rio de Janeiro deu a volta e venceu 2-1.

Passou para a frente do Brasileirão com 71 pontos, contra os 69 do Inter.

 

 

 

Caso Rodinei

O laeral do Inter, considerado uma das pedras basilares do conjunto, está emprestado pelo Flamengo.

Segundo o contrato o Inter teria de pagar 1 milhão de reaias (153 mil euros) se quisesse que ele defrontasse o clube do dono do passse.

Vai daí, Elusmar Maggi Scheffer, adepto do Inter e com o apelido da 7ª familia mais rica do Brasil (a fortuna vem de uma das maiores produções de soja do mundo), ofereceu ao clube o milhão que precisava para acionar a cláusula.

 

 

«Sou Colorado de berço, daqueles que não vivem sem o Inter. Mesmo morando distante, meu amor pelo Colorado sempre foi muito grande. Já comemorei muito as vitórias do meu time, e a felicidade de viver esse momento com o clube do meu coração, com a real possibilidade de sermos campeões brasileiros, fez com que eu decidisse por ajudar. Sei que ainda temos desafios pela frente, duas importantes partidas para disputar, mas decidi dar minha parcela de contribuição ao clube que tanto amo. Sei que nossos jogadores vão dar o melhor, como sempre fizeram, e estou muito confiante que o Inter sairá vitorioso de mais essa jornada»

Rodinei jogou no Marcanã contra o Flamengo – e acabou expulso.

Agora, Maggi diz que vai pagar ao São Paulo para vencer o Flamengo e o Inter poder conquistar o Brasileirão.

«Vou injetar dinheiro no São Paulo para a gente ser campeão» Elusmar Maggi

Claro que o Flamengo já reagiu e diz que vai à polícia para investigar o caso.